Sobre si

Se está com curiosidade sobre este curso é porque provavelmente já ouviu falar de PNL e, muito provavelmente, fez já um Practitioner, um Master ou talvez até um Trainer nesta área.

A novidade poderá ser a abordagem que o Novo Código da PNL transporta, com um convite permanente ao envolvimento da mente inconsciente em todo o trabalho de mudança.

Historicamente, a aplicação do Código Clássico da PNL foi orientada para a manipulação consciente de representações internas (imagens visuais, sons e sensações) sem que existisse um envolvimento formal da mente inconsciente. Existiam referências explícitas à mente inconsciente, o que não existiam eram mecanismos ou processos formais de com ela comunicar, e isso, não só é corrigido no Novo Código, como passa a ser um elemento central de todo o trabalho a desenvolver.

A utilidade do envolvimento da mente inconsciente na escolha de resultados e recursos é inegável. Segundo George Lakoff, cientista cognitivo e linguista, 95% do nosso pensamento ocorre fora da nossa perceção consciente, e é na mente inconsciente que existe a capacidade de imaginar cenários, articular consequências, considerar distintas posições percetivas, níveis lógicos, aferir intenções, recursos, ecologia, etc. Afinal, o inconsciente tem acesso a um leque muito maior de possibilidades do que a mente consciente.

O inconsciente é de tal forma eficiente que toma decisões mesmo antes de delas termos consciência. O trabalho de investigação do neurocientista Benjamin Libet na década de

 80, vem colocar em causa a capacidade de livre arbítrio ao concluir que as decisões racionais ocorrem segundos depois de processos neurais inconscientes se ativarem. Esta hipótese de Libet tem vindo a ser corroborada por estudos de outros investigadores, alguns dos quais apontam para a possibilidade de, quando uma pessoa “faz uma escolha” consciente (como abrir uma porta), o seu inconsciente já ter decidido fazê-lo, ou seja, a atividade cerebral ligada àquela decisão ter começado até 10 segundos antes da ação ter sido operada.

O convite que lhe fazemos a si, é para que venha experimentar aprender New Code a partir da absorção inconsciente de padrões generativos de excelência, evitando o estabelecimento de vínculos conscientes entre o que acha que está a aprender e o que acha que já sabe e que se relaciona com isso. Vai ser convidado(a) a completar exercícios de descoberta sem saber qual é o seu propósito.

O que lhe parece?

Aceita o desafio?

E o seu inconsciente… já decidiu?